Charter

Dicas de Segurança para Encontros

Conhecer pessoas novas é entusiasmante, mas deve-se ter sempre cuidado quando se interage com alguém que não conhecemos. Devemos usar o nosso julgamento e colocar a segurança em primeiro lugar, quer estejamos a trocar mensagens ou a conhecer alguém pessoalmente. Apesar de não podermos controlar as ações das outras pessoas, existem coisas que podemos fazer para ajudar a manter-nos seguros durante a nossa experiência com Meeticaffinity.

SEGURANÇA ONLINE

  • Nunca enviar dinheiro ou partilhar informação financeira
    Nunca enviar dinheiro, especialmente por transferência, mesmo que a pessoa diga que é uma emergência. Transferir dinheiro é como dá-lo pessoalmente, pois é praticamente impossível inverter o processo ou saber para onde foi. Nunca partilhar informação que possa ser usada para aceder às nossas contas. Se outro utilizador pedir dinheiro, denunciá-lo imediatamente.
  • Proteger a sua informação pessoal
    Nunca partilhe informação pessoal, como o seu número de segurança social, morada de casa ou do trabalho, ou detalhes sobre a sua rotina diária (por exemplo, que vai a um determinado ginásio todas as segundas) com pessoas que não conhece. Se for um pai ou mão, limite a informação que partilha sobre os seus filhos no seu perfil e nas primeiras comunicações. Evite partilhar detalhes como os nomes das crianças, em que escola andam, idades ou géneros.
  • Ficar na plataforma
    Mantém as conversas na plataforma enquanto conheces o outro membro pois as conversas em Meeticaffinity são sujeitas aos nossos Filtros de Mensagem segura (saber mais aqui) os utilizadores com más intenções costumam tentar conversar pelo telemóvel, por SMS, apps de mensagens e e-mail.
  • Duvidar de relacionamentos à distância ou noutros países
    Cuidado com esquemas de pessoas que dizem ser do seu país, mas estão presos noutro lugar, especialmente se pedirem ajuda financeira para voltarem para casa. Tenha cuidado com pessoas que não se queiram encontrar consigo pessoalmente ou falar ao telefone/vídeo, pois podem não ser quem dizem ser. Se alguém estiver a evitar as suas perguntas ou a pressionar para uma relação séria sem se encontrarem ou conhecerem primeiro – isto deve ser um sinal de alerta.
  • Denunciar todos os comportamentos suspeitos e ofensivos
    Sabe que alguém passou dos limites e quando, e nós queremos ser informados. Bloqueie e denuncie qualquer pessoa que viole os nossos termos. Aqui tem alguns exemplos:
    ● Pedidos de dinheiro ou donativos
    ● Utlizadores menores
    ● Assédio, ameaças e mensagens ofensivas
    ● Comportamento inapropriado ou prejudicial durante ou após o encontro presencial
    ● Perfis fraudulentos
    ● Spam ou pedidos, incluindo ligações a websites comerciais ou tentativas de vender produtos ou serviços.

Pode denunciar quaisquer preocupações sobre comportamento suspeito a partir de qualquer página de perfil ou janela de mensagens ou aqui. Para mais informação, verifique as nossas Diretrizes Comunitárias.

  • Proteja a sua conta
    Certifique-se de que escolhe uma palavra-passe forte, e tenha sempre cuidado quando entrar na sua conta a partir de um computador público ou partilha. Meeticaffinity nunca enviará um e-mail a pedir o nome de utilizador e palavra-passe – se receber um e-mail a pedir a informação da sua conta, denuncie-o imediatamente.

ENCONTROS FÍSICOS

  • Não tenha pressa
    Leve o seu tempo e conheça a outra pessoa antes de concordar em encontrar-se ou conversar no Meeticaffinity. Não tenha medo de fazer perguntas para verificar todos os sinais de alerta ou perguntas fraturantes. Uma chamada de vídeo ou telefone pode ser uma ferramenta útil de rastreio antes de um encontro.
  • Encontre-se em público e mantenha-se em público
    Os primeiros encontros devem ter lugar em locais públicos e com muita gente, e nunca na sua casa, em casa da outra pessoa, ou em qualquer outro local privado. Se a pessoa o pressionar para ir para um local privado, termine o encontro.
  • Conte o seu plano a amigos e familiares
    Diga a um amigo ou familiar qual é o seu plano, incluindo quando e onde vai. Tenha o telemóvel com bateria e sempre consigo.
  • Esteja em controlo do seu transporte
    Queremos que consiga manter o controlo de como chega e sai do seu encontro para poder sair quando quiser. Se for a conduzir, é uma boa ideia ter um segundo plano como uma aplicação de boleias ou algum amigo que o/a possa ir buscar.
  • Conheça os seus limites
    Conheça os efeitos de drogas ou álcool em si – podem prejudicar o seu julgamento e o seu estado de alerta. Se o seu encontro tentar pressioná-lo para usar drogas ou beber mais do que aquilo com que está confortável, mantenha-se firme e abandone o seu encontro.
  • Não deixe bebidas ou artigos pessoais sem supervisão
    Saiba sempre de onde vem a sua bebida e onde está – aceite apenas bebidas vertidas ou servidas diretamente do bar ou máquina. Há muitas substâncias que são colocadas nas bebidas para facilitar a violência sexual que não têm cheiro, cor nem sabor. Além disso, deve sempre manter o telefone, carteira e mala e qualquer coisa que contenha informação pessoal, consigo.
  • Se ficar desconfortável, vá-se embora
    Não há problema em terminar o encontro mais cedo se estiver desconfortável. Na verdade, isto é encorajado. E se o seu instinto lhe estiver a dizer que algo está errado ou se se sentir inseguro, peça ajuda no bar.

SAÚDE SEXUAL E CONSENTIMENTO

  • Proteja-se
    Quando usados corretamente e de forma consistente, os preservativos podem reduzir significativamente o risco e passar DST como o VIH. MAs deve saber que DST como herpes ou PVH podem ser passados pelo contacto pele a pele. O risco de contrair alguma DST pode ser reduzido através da vacinação.
  • Conheça a sua condição
    Nem todas as DST apresentam sintomas e deve querer conhecer a sua condição. Mantenha-se a par da sua condição de saúde e previna a propagação de DST com testes regulares.
  • Fale sobre isso
    A comunicação é tudo: antes de ter intimidade física com um parceiro, fala sobre a saúde sexual e os testes de DST. E tenha consciência – em alguns lugares, é um crime não informar a outra pessoa de uma doença sexualmente transmissível.
  • Consentimento
    Toda a atividade sexual deve começar com o consentimento e deve incluir verificações continuadas com o seu parceiro. A comunicação verbal pode ajudá-lo a si e ao seu parceiro a assegurar que respeitam os vossos limites. O consentimento pode ser retirado a qualquer altura e o sexo nunca é devido a ninguém. Não prossiga se o seu parceiro parecer desconfortável ou inseguro, ou se não conseguir obter o consentimento devido ao efeito de drogas ou alcóol.

RECURSOS PARA AJUDA, APOIO OU ACONSELHAMENTO

Lembre-se: mesmo que siga estas dicas, nenhum método de redução de risco é perfeito. Se tiver uma experiência negativa, saiba que a culpa não é sua e que há ajuda disponível. Denuncie quaisquer incidentes aqui e considere contactar um dos recursos abaixo.

Linha Telefónica de Informação às Vítimas de Violência Doméstica
800 202 148
https://eportugal.gov.pt/servicos/contactar-linha-telefonica-de-informacao-as-vitimas-de-violencia-domestica

Linha Telefónica de Sexualidade em Linha
800 222 003
http://www.apf.pt/sexualidade-em-linhavaqui e considere contactar um dos recursos abaixo.